O Connected Smart Cities 2018, que acontece nos dias 4 e 5 de setembro, em São Paulo, reunirá cerca de 150 prefeituras, como os prefeitos do Rio de Janeiro, Curitiba, Vitória, Viçosa, entre outros, além de autoridades, especialistas em cidades inteligentes e empresas. O evento contará com cerca de 90 painéis e 300 palestrantes, que se apresentarão simultaneamente em 9 palcos. O Ranking Connected Smart Cities 2018 será divulgado no 1° dia do evento.

O Credenciamento para a Imprensa está disponível por meio do e-mail: imprensa@sators.com.br. É necessário informar: nome, função, veículo, equipe de apoio e contatos.

Nesta terça e quarta-feira (04 e 05 de setembro), São Paulo sediará o Connected Smart Cities, mais importante evento de cidades inteligentes do País, que reúne empresas, governos, especialistas e entidades nacionais e internacionais para debater as melhores práticas para o desenvolvimento de cidades inteligentes. Participarão do evento cerca de 150 prefeituras, como o Prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella; o Prefeito de Curitiba, Rafael Greca; o Prefeito de Vitória, Luciano Rezende; o Prefeito de Viçosa, Ângelo Chequer; entre outros prefeitos, autoridades, especialistas em cidades inteligentes e empresas. O evento contará com cerca de 90 painéis e 300 palestrantes, que se apresentarão simultaneamente em 9 palcos. Em sua 4ª edição, o Connected Smart Cities vem desde 2015 reunindo diferentes segmentos da sociedade para apresentar e debater ações com foco no desenvolvimento de uma cidade inteligente, mais conectada e humana.

Na Cerimônia de Abertura do Fórum, que acontece no dia 04/09, às 9h, será divulgado o Ranking Connected Smart Cities 2018, desenvolvido em parceria com a Urban Systems e que apresenta os indicadores de desenvolvimento das cidades brasileiras participantes do levantamento. Além de considerar os conceitos de cidades inteligentes, como tecnologia, meio ambiente e sustentabilidade, o Ranking considera o conceito de conectividade, investimentos em saneamento, importância da educação na formação e reprodução dos potenciais das cidades e sustentabilidade econômica. O objetivo do levantamento é mapear as cidades com maior potencial de desenvolvimento no Brasil, por meio de indicadores que retratam inteligência, conexão e sustentabilidade. O Ranking é composto por indicadores de 11 principais setores: mobilidade, urbanismo, meio ambiente, energia, tecnologia e inovação, economia, educação, saúde, segurança, empreendedorismo e governança, mesmos eixos temáticos do evento Connected Smart Cities.

Paula Faria, idealizadora do Connected Smart Cities, enfatiza que a expectativa é que o evento reúna um público de mais de duas mil pessoas e que serão abordados os temas Urbanismo Sustentável nas Cidades; Cidades Prósperas; Cidades Conectadas; Mobilidade e Acessibilidade nas Cidades; Cidades Empreendedoras; Cidades Resilientes; e Cidades Participativas e Engajadas.
“Essa edição conta com a Expo, onde as empresas que apoiam o evento apresentam as suas soluções para uma cidade inteligente, além do Prêmio voltado para empresas que estão oferecendo soluções inovadoras para as cidades; as Rodadas de Negócios, reuniões entre organizações que oferecem soluções e cidades que têm interesse em implementar novos modelos, sendo que a nossa expectativa é de organizar mais de 600 reuniões durante o evento. Também teremos o lançamento do nosso Manifesto e do Mapa de georreferenciamento de dados abertos para inclusão de soluções com foco em smart Cities ”, cita.

 

Destaque
A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), entidade apoiadora e patrocinadora do Connected Smart Cities, vai apresenta durante o Fórum detalhes do Ambiente de Demonstração de Tecnologias para Cidades Inteligentes. O projeto, inédito no Brasil, é desenvolvido em parceria com o  Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e funcionará em Xerém (RJ), em uma área de 2,5 milhões de m², local que já contempla uma série de laboratórios para realização de testes.

“Participamos de todas as edições do Connected Smart Cities e a ABDI apresentará, na edição 2018, a posição atual desse importante projeto que estamos desenvolvendo em parceria com o Inmetro, onde todas as discussões estão relacionadas à possibilidade de regulamentação das tecnologias disponíveis para implantação nas cidades. Destaco que teremos um estande no evento e, na oportunidade, receberemos os interessados e apresentaremos, por meio da exibição de vídeos, as técnicas e detalhes sobre o projeto. Também teremos o Workshop ABDI em parceria com o Connected Smart Cities”, comenta Carlos Frees, Líder de projeto na ABDI para as temáticas de Redes e Cidades inteligentes.

Além da programação dos palcos principais do Connected Smart Cities, os Workshops se destacam nos dois dias do evento. O fórum contempla: Workshop prático de iluminação pública; Workshop sobre investimentos e inovações no acesso a água; Workshop – cidades seguras: prevenção da violência e promoção da segurança cidadã; Workshop da ABES em parceria com o Connected Smart Cities sobre cidades conectadas; Workshop prático BRASSCOM de discussão dos desafios e arquiteturas de soluções tecnológicas alternativas para o desenvolvimento de cidades inteligentes em parceria com o Connected Smart Cities.

O evento conta ainda com: Workshop Panorama do saneamento básico no Brasil; Workshop CTE em parceria com o Connected Smart Cities, que tem foco nas Estratégias de Smart Cities e sustentabilidade em comunidades planejadas. Como torná-las realidade?; Workshop INCOBRA & ENRICH com foco na cooperação internacional em ciência, tecnologia e inovação; Workshop PONTEAPONTE, que consiste em um Fórum de inovação social; Workshop SPINAFRE em parceria com o Connected Smart Cities com abordagem sobre ecossistema empreendedor de cidades inteligentes no Brasil; Workshop panorama da mobilidade urbana no Brasil; Workshop Atech em parceria com o Connected Smart Cities, Workshop ABDI em parceria com o Connected Smart Cities, entre outros.

Para mais informações sobre a programação completa do Connected Smart Cities, basta acessar o link: www.connectedsmartcities.com.br/programacao-connected-smart-cities/.
Já para saber mais sobre os palestrantes do Fórum, acesse: www.connectedsmartcities.com.br/programacao-palestrantes/

Patrocinadores da edição 2018:
Aceco TI, Atech, Autodesk, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), BNDES, BMPI, Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC), Deloitte, Engie, Egis, Fundação Ezute, Fala Cidadão, Geoambiente, Hostfiber, Itron, Kido Dynamics, Midiacode, Philips, Prefeitura de Barueri, Prefeitura de Vitória, Ubicquia, Via, além do apoio de mais de 40 entidades.

Serviço
Connected Smart Cities | Evento Nacional
Data:
 04 e 05 de setembro de 2018
Local: Centro de Convenções Frei Caneca, Rua Frei Caneca, 569, Consolação, São Paulo/SP
Mais Informações: www.connectedsmartcities.com.br
Inscrições para o evento: www.connectedsmartcities.com.br/inscricoes-evento-nacional-sao-paulosp/
As imagens do Connected Smart Cities podem ser acessadas por meio do link: www.flickr.com/photos/connectedsmartcities/albums

CREDENCIAMENTO IMPRENSA – Evento Nacional Connected Smart Cities: Os jornalistas deverão solicitar o credenciamento pelo e-mail: imprensa@sators.com.br (Jornalista Eliane Jerônimo Bueno).  É necessário informar: nome, função, veículo e contatos.

Sobre o Connected Smart Cities
O Connected Smart Cities, principal evento do setor no Brasil, é realizado pela Sator e envolve empresas, entidades e governos em uma plataforma que tem por missão encontrar o DNA de inovação e melhorias para cidades mais inteligentes e conectadas umas com as outras, sejam elas pequenas ou megacidades.

Encontros Regionais
Realizados paralelamente ao evento principal, os Encontros Regionais permitem que o poder público avalie as melhores práticas de cidades inteligentes e, consequentemente, possa desenvolver ações que potencializem ainda mais os pontos fortes alcançados no Ranking Connected Smart Cities. Para a edição 2018 do evento nacional, foram realizados os Encontros Regionais: Sul, em Florianópolis; Nordeste, em Salvador; Centro-Oeste, em Brasília; e Sudeste, em Belo Horizonte. Juntos, os eventos reuniram mais de 900 participantes e foram realizadas cerca de 190 Rodadas de Negócios.

Ranking
O Ranking Connected Smart Cities está em sua 4ª edição e foi desenvolvido pela Urban Systems, através de metodologia própria e exclusiva, em parceria com a Sator, empresa organizadora do evento homônimo.
Todos os indicadores do Ranking Connected Smart Cities 2017 estão disponíveis em: www.connectedsmartcities.com.br/resultados-do-ranking-connected-smart-cities/

Sobre a Sator
Fundada em 2005, a empresa iniciou suas atividades como produtora de eventos,  oferecendo, ainda, serviços voltados para a comercialização e comunicação dos eventos que organizava. Recentemente, descobriu-se como uma organização desenvolvedora de plataformas de negócios, que consiste em identificar, planejar e desenvolver oportunidades por meio de encontros presenciais como seminários, feiras, rodadas de negócios, mídia online e impressa.
A Sator conta com ampla experiência na organização de eventos como a Airport Infra Expo, Labace, Latin American Business Aviation Conference & Exhibition (entre 2007 e 2010), a Feira Nacional de Aviação Civil (entre 2008 e 2010), o Broa Fly-in (2006 a 2008), o Connected Smart Cities (desde 2015), o PPP Awards & Conference (desde 2017) e o Fórum de Mobilidade da  ANPTrilhos (em 2018).

Mais Informações à Imprensa
Assessoria de Comunicação e Imprensa do Connected Smart Cities
Eliane Jerônimo Bueno (Mtb 50559)
+55 11 9 9234-4911
E-mail: imprensa@sators.com.br