a


Don’t _miss

Wire Festival

 

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nullam blandit hendrerit faucibus turpis dui.

LANGUAGE

O que você está procurando?

>Cidades prósperas (Page 2)

O que é uma cidade inteligente? Quais os caminhos para o desenvolvimento de smart cities? Para responder essas e outras questões relacionadas ao conceito de cidades inteligentes e a eficiência da gestão de forma integrada, entrevistamos o Diretor de Mercado Civil da Fundação Ezute, Marcello Freire Palha.

A Fundação Ezute é uma organização privada sem fins lucrativos e que tem a missão de contribuir para transformação das organizações brasileiras, principalmente, as públicas, por meio de soluções inovadoras em tecnologia e gestão. A entidade apoia e patrocina o Connected Smart Cities 2018, que será realizado nos dias 4 e 5 de setembro, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

Confira a entrevista com o executivo da
Fundação Ezute:

Como a implementação de tecnologias podem contribuir com o desenvolvimento de Smart Cities? Pode citar exemplos?

Marcello Freire Palha: O conceito de smart cities é muito amplo. Muitas administrações tratam do tema apenas instalando câmeras e disponibilizando internet para os cidadãos. Entretanto, é muito mais que isso. Ao se falar de cidade inteligente estamos tratando de mobilidade, saúde, segurança, educação, saneamento, meio ambiente, sustentabilidade, transparência e eficiência da gestão de forma integrada. E, para alcançar esse objetivo, é necessária a aplicação de muita tecnologia com a finalidade de proporcionar uma melhor interação entre a sociedade e a administração pública, sempre objetivando a melhoria da qualidade de vida dos indivíduos e o desenvolvimento das cidades.  Essa interação é considerada estratégica por fazer uso inteligente de infraestrutura, serviços, informação e comunicação, com planejamento e gestão urbana, para dar resposta às necessidades sociais e econômicas da comunidade. Como primeiro passo nessa caminhada para uma smart city, várias prefeituras estão implementando projetos de Parcerias Público-Privadas (PPPs) de iluminação pública, o que é considerado por muitos a infraestrutura básica para a implantação do conceito de cidade inteligente, uma vez que as novas tecnologias de IP permitem a instalação de diversos sensores nos postes de luz, além de criar uma rede de transmissão de dados que permite o tráfego de informações necessárias para garantir a integração.

De que forma o trabalho da Fundação Ezute contribui para o desenvolvimento de cidades inteligentes, conectadas, sustentáveis e mais humanas? 

Marcello Freire Palha: A Fundação Ezute é uma organização privada e sem fins lucrativos, que tem um importante papel de verificador independente. Ela contribui para a transformação das organizações brasileiras, especialmente as públicas, melhorando a efetividade de um determinado projeto, além de apoiar todo o ciclo de vida de programas, principalmente os voltados às áreas de defesa, saúde, educação, meio ambiente, segurança pública, mobilidade urbana e Parcerias Público-Privadas (PPPs). Apoiamos, por meio de diferentes tecnologias, a concepção e gestão de projetos, sempre entendendo o que o cliente precisa e onde quer chegar. Nossa atuação acontece por meio da aplicação da metodologia de Systems Engineering, da gestão de projetos complexos, da absorção, gerenciamento e transferência do conhecimento adquirido, de pesquisa, desenvolvimento e inovação, e de ensino e capacitação. Tais competências fizeram com que a Fundação Ezute participasse de diversos projetos de alta complexidade e grande expressão nacional, entre eles: o Sistema de Vigilância da Amazônia (SIVAM), da FAB; o Sistema de Monitoramento da Amazônia Azul (SisGAAz), o Programa de Míssil Antinavio (MANSUP) e o Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB), da Marinha; e o Sistema Integrado de Gestão da Saúde (SIGA-SAÚDE) e o de Bilhete Único, ambos do Município de São Paulo.

Qual a importância de um evento como o Connected Smart Cities?

Marcello Freire Palha: O Connected Smart Cities permite que a indústria divulgue as novidades para o setor, proporcionando aos gestores públicos um maior conhecimento das tecnologias disponíveis e, assim, possibilita aos administradores uma visão mais clara de onde é possível chegar.

Saiba mais sobre o CSC
Em sua 4ª Edição, o Connected Smart Cities, principal evento do setor no Brasil, envolve empresas, entidades e governos em uma plataforma que tem por missão encontrar o DNA de inovação e melhorias para cidades mais inteligentes e conectadas.

Paralelamente ao evento principal, acontecem os Encontros Regionais com o objetivo de debater soluções para o desenvolvimento das cidades com base em informações e necessidades de cada região.

O Próximo evento será o Encontro Regional Sudeste Connected Smart Cities – Cidade Anfitriã Belo Horizonte/MG, no dia 06 de junho de 2018, no Auditório da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte.

Para mais informações e inscrições, CLIQUE AQUI

 

 

 

O que é uma cidade inteligente? Quais os caminhos para o desenvolvimento de smart cities? Para responder essas e outras questões relacionadas ao conceito de cidades inteligentes e a eficiência da gestão de forma integrada, entrevistamos o Diretor de Mercado Civil da Fundação Ezute, Marcello Freire Palha. A Fundação Ezute é uma organização privada sem fins lucrativos e que tem a missão de contribuir para transformação das organizações brasileiras, principalmente, as públicas, por meio de soluções inovadoras em tecnologia e gestão.

Destaques de desenvolvimento de Belo Horizonte, São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro e Vitória serão apresentados no Encontro Regional Sudeste Connected Smart Cities, evento em parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte e que será realizado no dia 06 de junho. A capital mineira, conhecida como polo de conhecimento e concentrando 62 instituições de ensino superior, além de possuir um dos maiores parques tecnológicos do país, sediará o Encontro Regional Sudeste Connected Smart Cities. O evento, em parceria com a Prefeitura

Em parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte, o Encontro Regional Sudeste Connected Smart Cities, será realizado no dia 06 de junho, no Auditório da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte. Além da capital mineira, o evento também apresentará indicadores de desenvolvimento das cidades de São Paulo/SP, Campinas/SP, Rio de Janeiro/RJ e Vitória/ES. O evento tem como objetivo encontrar soluções inovadoras com foco em cidades mais inteligentes e conectadas e, por meio do Ranking Connected Smart Cities, realizado pela Urban Systems e a

O Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart Cities, realizado no dia 19 de abril, na CNT – Confederação Nacional do Transporte, em Brasília, contou com a parceria da ANPTrilhos - Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos e com o apoio do Governo de Brasília. O evento, que teve como principal objetivo debater soluções para o desenvolvimento de cidades inteligentes pautadas em informações e necessidades da Região Centro-Oeste, com foco em Brasília, reuniu cerca de 150 participantes, 14 palestrantes, 18 reuniões

Amanhã- dia 19 de abril, das 8h30 (Credenciamento) às 17h00, será realizado em Brasília/DF, na CNT – Confederação Nacional do Transporte, o Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart Cities, em parceria com a  ANPTrilhos e com apoio do Governo de Brasília.  O Encontro, que tem como objetivo encontrar soluções inovadoras com foco em cidades mais inteligentes e conectadas, reunirá especialistas em smart cities que irão debater os indicadores de desenvolvimento da Região Centro-Oeste, com destaque para Brasília.  O Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart

O evento, em parceria com a  ANPTrilhos e com apoio do Governo de Brasília,  será na próxima quinta-feira (19 de abril),  das 8h30 (Credenciamento) às 17h00, na CNT, em Brasília/DF. A apresentação dos Indicadores Connected Smart Cities da Região Centro-Oeste está entre os destaques da Programação. O Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart Cities, em parceria com a  ANPTrilhos e com apoio do Governo de Brasília, reunirá no próximo dia 19 de abril,  no Auditório da CNT – Confederação Nacional do

No próximo dia 19 de abril, das 8h30 às 17h00, será realizado em Brasília/DF, na Sede da CNT, o Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart Cities, evento em parceria com a  ANPTrilhos e com apoio do Governo de Brasília. O Fórum contará com a participação de especialistas que irão debater os indicadores de desenvolvimento de Brasília, Goiânia, Campo Grande e Cuiabá. Conhecida pelos monumentos e edifícios que são marco da arquitetura, Brasília também se destaca no Ranking Connected Smart Cities, realizado pela

No dia 19 de abril será realizado em Brasília/DF, o Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart Cities, em parceria com a  ANPTrilhos - Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos. Patrimônio Cultural da Humanidade, a capital federal conta com 112,25 km² de área tombada com monumentos e edifícios que são marco da arquitetura. Brasília também é um dos destaques do Ranking Connected Smart Cities, realizado pela Urban Systems em parceria com a Sator, sendo a primeira colocada em Tecnologia e Inovação,

Entrevista Milene Abla Scala, Vice-presidente da AsBEA - Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura. Para falar sobre a importância do desenvolvimento de smart cities no Brasil, o Connected Smart Cities entrevistou Milene Abla Scala, Vice-presidente da AsBEA - Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura. Milene Abla Scala cita que, no Brasil, a taxa de urbanização (percentagem da população da área urbana em relação à população total) praticamente dobrou nos últimos 50 anos chegando a 84% em 2010 (era 44% em 1960),

O desenvolvimento de cidades inteligentes e conectadas está diretamente relacionado aos investimentos em ciência e tecnologia, garantindo expansão sustentável no curto, médio e longo prazo. E o resultado vai além do crescimento econômico do país, pois reflete primordialmente na qualidade de vida da população. Nesse sentido, as Parcerias Público-Privadas (PPPs) se fazem necessárias e urgentes. Para o Presidente da NTU – Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos, Otávio Vieira da Cunha Filho, o desenvolvimento de cidades inteligentes proporciona mais qualidade

PATROCÍNIO DIAMANTE

PATROCÍNIO OURO

PATROCÍNIO PRATA

PATROCÍNIO BRONZE

PATROCÍNIO APOIO

PARCEIROS ESTRATÉGICOS

APOIO INTERNACIONAL

APOIO INSTITUCIONAL ESTRATÉGICO

APOIO INSTITUCIONAL

APOIO DE MÍDIA

REALIZAÇÃO

EVENTO PARALELO