a


Don’t _miss

Wire Festival

 

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nullam blandit hendrerit faucibus turpis dui.

LANGUAGE

O que você está procurando?

>Posts tagged "Ranking Cidades Inteligentes"

Investir em Infraestrutura e em uma cobertura de rede de Internet de alta qualidade e com preços acessíveis é o primeiro passo para o desenvolvimento de smart cities, no atual contexto socioeconômico brasileiro.  O Engenheiro Sênior de Sistemas e Segurança, do Instituto CESAR, Felipe Silva Ferraz, falou sobre a importância das tecnologias no conceito de smart cities e de como iniciativas, como as do Connected Smart Cities, podem contribuir com o tema e as ações que impactam diretamente na qualidade de

O Encontro Regional Centro-Oeste Connected Smart Cities, realizado no dia 19 de abril, na CNT – Confederação Nacional do Transporte, em Brasília, contou com a parceria da ANPTrilhos - Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos e com o apoio do Governo de Brasília. O evento, que teve como principal objetivo debater soluções para o desenvolvimento de cidades inteligentes pautadas em informações e necessidades da Região Centro-Oeste, com foco em Brasília, reuniu cerca de 150 participantes, 14 palestrantes, 18 reuniões

Célio Ribeiro, Presidente Executivo da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia em Identificação Digital (ABRID), fala do desenvolvimento de cidades inteligentes no Brasil e da importância do Connected Smart Cities, principal evento do setor no país, que envolve empresas, entidades e governo.   1) Qual é a importância do desenvolvimento de smart cities no Brasil?  Célio Ribeiro: A definição de smart cities dada pelo pesquisador americano Boyd Cohen, especialista em empreendedorismo, inovação e cidades inteligentes, ilustra perfeitamente a importância do desenvolvimento de

Entrevista Milene Abla Scala, Vice-presidente da AsBEA - Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura. Para falar sobre a importância do desenvolvimento de smart cities no Brasil, o Connected Smart Cities entrevistou Milene Abla Scala, Vice-presidente da AsBEA - Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura. Milene Abla Scala cita que, no Brasil, a taxa de urbanização (percentagem da população da área urbana em relação à população total) praticamente dobrou nos últimos 50 anos chegando a 84% em 2010 (era 44% em 1960),

Thomaz Assumpção, presidente da Urban Systems, aponta os indicadores por setores do Ranking Connected Smart Cities. Ele destaca setores como Economia, Governança e Qualidade de Vida, abordando o tema de sustentabilidade através da sustentabilidade econômica, social e ambiental. EIXO TEMÁTICO: CIDADES PARTICIPATIVAS E ENGAJADAS PAINEL:  SPOTLIGHT TALKS: CONNECTED SMART CITIES ORGANIZAÇÃO: URBAN SYSTEMS TAG: GORVERNANÇA CONFIRA A APRESENTAÇÃO COMPLETA AQUI. 

Guilherme Gazzola, prefeito da Estância Turística de Itu, discute sobre Big Data e Analytics, Funções do Planejamento, Mapa Estratégico e Ações de Transparência Ativa. Ele ainda traz um Mapa Estratégico e Mapas Mentais e Processos. EIXO TEMÁTICO: CIDADES PARTICIPATIVAS E ENGAJADAS PAINEL:  QUAIS SÃO OS RECURSOS E FERRAMENTAS DISPONÍVEIS PARA ANGARIAR RECURSOS PARA AS CIDADES?   ORGANIZAÇÃO: PREFEITURA DE ITU TEMA: ETAPAS PARA UM PROJETO DE SUCESSO TAG: GORVERNANÇA CONFIRA A APRESENTAÇÃO COMPLETA AQUI. 

Martin Mitteldorf, sócio da MOV Investimentos, destaca que os critérios de investimento são ‘Impacto bem definido’, ‘Empreendedores alinhados’, ‘Inovação’, ‘Potencial de transformação’, ‘Escala’, ‘Sustentabilidade financeira’. Ele também aponta objetivos para o desenvolvimento sustentável e quais são os fatores de atuação do ecossistema para um impacto multiplicado.   EIXO TEMÁTICO: CIDADES PARTICIPATIVAS E ENGAJADAS PAINEL:  QUAIS SÃO OS RECURSOS E FERRAMENTAS DISPONÍVEIS PARA ANGARIAR RECURSOS PARA AS CIDADES? ORGANIZAÇÃO: MOV INVESTIMENTOS TAG: GORVERNANÇA   CONFIRA A APRESENTAÇÃO COMPLETA AQUI. 

O Encontro Regional Nordeste, realizado no dia 15 de março no SENAI CIMATEC em parceria com a Prefeitura de Salvador, contou com 250 participantes, 17 palestras, 77 representantes públicos e 65 reuniões nas rodadas de negócios, além de 94 publicações na mídia. A cidade de Salvador foi anfitriã por meio da Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (SECIS) e teve como principal objetivo debater soluções para o desenvolvimento de cidades inteligentes pautadas em informações e necessidades da região nordeste. Os Encontros

Ana Carla Bliacheriene, Advogada e Professora Livre-docente pela ECA USP, comenta sobre o impacto das Revoluções Políticas e Tecnológicas no mundo e discute sobre o Século XXI- ‘O Século das Cidades’. Ela aborda temas como gasto público, controle social preventivo e repressivo, participação social na tomada de decisão, modelos inaugurados pela tecnologia e desafios para o desenvolvimento das cidades inteligentes. EIXO TEMÁTICO: CIDADES PARTICIPATIVAS E ENGAJADAS PAINEL:  PROMOÇÃO DA INOVAÇÃO GOVERNAMENTAL: GOVERNANÇA PROATIVA PARA A CRIAÇÃO DE CIDADES PARTICIPATIVAS ORGANIZAÇÃO: EACH-USP TAG: GORVERNANÇA CONFIRA A

Cristiane Crisci destaca, através de pesquisas de qualidade de vida, a finalidade da busca por imóvel e seus principais motivos. Ela ainda traz as transformações urbanas e a zona especial de interesse social, sempre abordando o tema do desenvolvimento de cidades inteligentes e sustentáveis. EIXO TEMÁTICO: CIDADES HUMANAS, RESILIENTES E INCLUSIVAS PAINEL:  A CIDADE PARA TODOS OS CIDADÃOS ORGANIZAÇÃO: ZAP TAG: SAÚDE CONFIRA A APRESENTAÇÃO COMPLETA AQUI. 

PATROCÍNIO PRATA

PATROCÍNIO BRONZE

APOIO INSTITUCIONAL ESTRATÉGICO

APOIO INSTITUCIONAL

REALIZAÇÃO

EVENTO PARALELO