a


Don’t _miss

Wire Festival

 

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nullam blandit hendrerit faucibus turpis dui.

LANGUAGE

O que você está procurando?

>Posts tagged "Ranking Cidades Inteligentes" (Page 3)

O Encontro Regional Nordeste, realizado no dia 15 de março no SENAI CIMATEC em parceria com a Prefeitura de Salvador, contou com 250 participantes, 17 palestras, 77 representantes públicos e 65 reuniões nas rodadas de negócios, além de 94 publicações na mídia.

A cidade de Salvador foi anfitriã por meio da Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (SECIS) e teve como principal objetivo debater soluções para o desenvolvimento de cidades inteligentes pautadas em informações e necessidades da região nordeste. Os Encontros Regionais são realizados paralelamente ao evento principal, que este ano acontece nos dias 4 e 5 de setembro no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

O próximo Encontro Regional é o Centro-Oeste, que será realizado no dia 19 de abril em Brasília/DF. Para mais informações sobre o evento, clique aqui.

Confira a apresentação dos palestrantes do Encontro Regional Nordeste:

Thomaz Assumpção – Presidente da Urban Systems e Sócio do Connected Smart Cities

Roberto Silva – Senior Manager – Performance Improvement da EY

Américo Tristão Bernardes – Diretor de Inclusão Digital da Secretaria de Telecomunicações do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

Rodolfo Ribeiro – Fundador da Spinafre e parceiro do Connected Smart Cities

Miguel Noronha – Diretor Executivo da Brasil IP

Milla Paz – Subsecretária de Desenvolvimento Urbano da SEDUR – Secretaria de Desenvolvimento Urbano da Prefeitura de Salvador e Coordenadora do Programa 360

Volnei Teixeira – Coordenador da SEMOB – Secretaria de Mobilidade da Prefeitura de Salvador

Bruno Schwanbach – Secretário de Desenvolvimento e Planejamento Urbano da Prefeitura de Recife

O Encontro Regional Nordeste, realizado no dia 15 de março no SENAI CIMATEC em parceria com a Prefeitura de Salvador, contou com 250 participantes, 17 palestras, 77 representantes públicos e 65 reuniões nas rodadas de negócios, além de 94 publicações na mídia. A cidade de Salvador foi anfitriã por meio da Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (SECIS) e teve como principal objetivo debater soluções para o desenvolvimento de cidades inteligentes pautadas em informações e necessidades da região nordeste. Os Encontros

Ana Carla Bliacheriene, Advogada e Professora Livre-docente pela ECA USP, comenta sobre o impacto das Revoluções Políticas e Tecnológicas no mundo e discute sobre o Século XXI- ‘O Século das Cidades’. Ela aborda temas como gasto público, controle social preventivo e repressivo, participação social na tomada de decisão, modelos inaugurados pela tecnologia e desafios para o desenvolvimento das cidades inteligentes. EIXO TEMÁTICO: CIDADES PARTICIPATIVAS E ENGAJADAS PAINEL:  PROMOÇÃO DA INOVAÇÃO GOVERNAMENTAL: GOVERNANÇA PROATIVA PARA A CRIAÇÃO DE CIDADES PARTICIPATIVAS ORGANIZAÇÃO: EACH-USP TAG: GORVERNANÇA CONFIRA A

Cristiane Crisci destaca, através de pesquisas de qualidade de vida, a finalidade da busca por imóvel e seus principais motivos. Ela ainda traz as transformações urbanas e a zona especial de interesse social, sempre abordando o tema do desenvolvimento de cidades inteligentes e sustentáveis. EIXO TEMÁTICO: CIDADES HUMANAS, RESILIENTES E INCLUSIVAS PAINEL:  A CIDADE PARA TODOS OS CIDADÃOS ORGANIZAÇÃO: ZAP TAG: SAÚDE CONFIRA A APRESENTAÇÃO COMPLETA AQUI. 

De acordo com Danielle Bressiani, responsável pela Pesquisa e Desenvolvimento no ClimaTempo, causas climáticas possuem impactos na gestão urbana, podendo resultar em desastres ambientais com perda de vidas e constante perdas na mobilidade, infraestrutura, com prejuízos econômicos e sociais. EIXO TEMÁTICO: CIDADES HUMANAS, RESILIENTES E INCLUSIVAS PAINEL:  A CIDADE PARA TODOS OS CIDADÃOS\ ORGANIZAÇÃO: CLIMATEMPO TAG: SAÚDE CONFIRA A APRESENTAÇÃO COMPLETA AQUI. 

Antônio Leitão, Gerente Institucional do Instituto de Longevidade Mongeral Aegon, levanta questões como ‘desafio de diminuir as disparidades e aproximas pessoas’; ‘como diminuir a segregação e a exclusão social’; ‘como o planejamento diminui as distâncias’. Ele também explica o que é o Índice de Desenvolvimento Urbano para Longevidade (IDL), trazendo as medianas das variáveis de cidades grandes e das cidades pequenas. EIXO TEMÁTICO: CIDADES HUMANAS, RESILIENTES E INCLUSIVAS PAINEL:  A CIDADE PARA TODOS OS CIDADÃOS ORGANIZAÇÃO: INSTITUTO DE LONGEVIDADE MONGERAL AEGON TAG: SAÚDE CONFIRA A

O  Sócio Fundador e Diretor Criativo do ErêLab, Roni Hirsch, aponta que a última política pública para a primeira infância em São Paulo foi em 1938 e que o último investimento em mobiliário Urbano no Brasil foi em 1970. Com isso, ele destaca que investir na primeira infância é romper o ciclo da pobreza- sendo que $1 investido tem $8 como retorno à sociedade. EIXO TEMÁTICO: CIDADES HUMANAS, RESILIENTES E INCLUSIVAS PAINEL:  A CRIAÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS NAS CIDADES INCLUSIVAS E HUMANAS ORGANIZAÇÃO:

O Arquiteto urbanista, diretor da Myr Projetos Sustentáveis e especialista em meio ambiente e urbanismo, Sergio Myssior, aponta que as 100 maiores cidades tratam de apenas 41% de seu esgoto (38% da média nacional). Ele ainda destaca que cada R$1,00 investido em saneamento gera economia de R$4,00 na área de saúde, além de que o acesso à rede de esgoto aumenta a produtividade do trabalhador em 13,3%. EIXO TEMÁTICO: URBANISMO SUSTENTÁVEL NAS CIDADES PAINEL: AS CIDADES REPRESENTAM PÓLOS DE ATRAÇÃO PARA O

A região Nordeste foi o berço da colonização portuguesa no país e o centro financeiro do Brasil até meados do século XVIII. A região é um atrativo turístico por sua biodiversidade, centros históricos preservados que remontam a época colonial e pelo litoral de praias paradisíacas. Milhões de turistas desembarcam em aeroportos nordestinos todos os anos e a região está, cada vez mais, se expandindo e melhorando sua infraestrutura para satisfazer a demanda e se tornar uma smart city. O campo da

O Diretor Geral e Chefe de Vendas LATAM, Ricardo Simon, discute sobre IoT: interligação de objetos do mundo real com o mundo virtual por meio de sensores (RFID). Ele aborda o tema de ‘Cidades Conectadas Através de IoT’, apontando que o principal objetivo é ofertar intercomunicações dos objetivos entre si trocando informações sobre status, localização, funcionalidades, problemas, etc- a conexão de todos os pontos. EIXO TEMÁTICO: CIDADES CONECTADAS PAINEL: A INTERNET DAS COISAS (IoT) TEM POTENCIAL DE ATINGIR US $ 19

EDIÇÃO 2019

PATROCÍNIO APRESENTADOR

PATROCÍNIO DIAMANTE

PATROCÍNIO OURO

PATROCÍNIO PRATA

PATROCÍNIO BRONZE

PATROCÍNIO APOIO

PARCEIROS ESTRATÉGICOS

APOIO INTERNACIONAL

APOIO INSTITUCIONAL ESTRATÉGICO

APOIO INSTITUCIONAL

APOIO DE MÍDIA

REALIZAÇÃO

EVENTO PARALELO